Sábado, 10 de Outubro de 2009

ESQUECER

  

 
 Imagem Internet / Salvador Dalí/ Gala / To forget!
 
 
Tu podes esquecer
Não escrever meu nome
Não olhares o meu perfil.
 
Eu não posso esquecer
Dizer o que imagino,
Mas nenhum mortal
Me pode prender!
 
Não me afundo
No mar revolto a meus pés,
Não me deixo afundar
E se o fizer…
Não sou eu!
 
Eu amo tudo
Este, aquele e o outro
Abraço todos
E vou, porque quero
Onde o insano predomina
E manda
E mata
E tira tudo…
 
O bom, o belo,
A riqueza, a grandeza
E dá a dor
A quem implora
A bênção dos que passam
Sem o calor do amor
E a boca é apenas,
Um instrumento de
Segredo.
 
- Mas são humanos!
Eles dizem que são… 
 
Mas tu não te juntes a eles,
Não esqueças
Espera, sossega
Olha o espelho
 
E agora me vês?
Lembras meu perfil,
Meus beijos, meu amor
O som da minha vida
Sem um suspiro de dúvida
Ao meu nascer em ti?
 
 
 Lembras ou esqueces?
 Se esqueces,
 
Não temos mais despedidas!
 
 
 
Maria Luísa O. M. Adães
 10 Outubro 2009
 
publicado por M.Luísa Adães às 13:08
link do post | comentar | favorito
59 comentários:
De linhaseletras a 14 de Outubro de 2009 às 00:23
Gostei do seu poema, eu acho que "quem nos esquece não merece que nos lembremos dele"
Um abraço e para bens pelo lindo poema


De M.Luísa Adães a 14 de Outubro de 2009 às 07:20
linhaseletras

Na verdade, "quando nos esquecem, devemos esquecer".

Mas controlar o sentir do "esquecimento", é muito
complexo e a nossa mente torna-se incontrolável, não obedece à "razão". Não obedece!

Por isso, as pessoas continuam a sofrer, " por quem
merece o esquecer"...

Agradeço ter gostado do poema, cheio de simbolismos, embora não nos apercebamos do
que ele tenta dizer, por entre as linhas diáfanas do sentir.

Gostei de a encontrar!

Com amizade,

Maria luísa


De angel13 a 14 de Outubro de 2009 às 11:14
Eu sabia que nunca me esquecerias. Obrigado.


De M.Luísa Adães a 14 de Outubro de 2009 às 12:52
É evidente que nunca te esqueceria e escrevi

"Esquecer", para tu te lembrares!

Desististe e perdeste a batalha!
Devias ter continuado e aos poucos e lentamente, maltratavas as pessoas, com mais diplomacia.

Ninguém suportou tanta maldade incoerente e te
marginalizaram. Era isso que desejavas? Se era ,
acertaste!
Mas me parece que foste longe demais e precisavas de ser mais subtil. Isto é uma análise de uma "Analista de comportamentos humanos".
Foi pena e lamento, mas também sei que na vida real
não és como te apresentaste aqui. Tenho a certeza.

Gostei de te encontrar e obrigada!

Maria Luísa



De angel13 a 15 de Outubro de 2009 às 11:01
O príncipio do prazer sobrepõe-se ao príncipio da realidade. O instinto sexual domina a minha vida em sociedade. Aceitas esta explicação??????? Obrigado.


De M.Luísa Adães a 15 de Outubro de 2009 às 11:21
angel13

Talvez poucos te aceitem, exactamente por contradizeres com crueldade e sofisma, essa forma
que tu dizes "ser o teu estar no mundo".

Em sociedade, não podes viver como dizes. Desculpa, mas no teu interior pode fervilhar um mar
de chamas - não interessa aos outros - apenas a ti!

E tu não andas pela vida em sociedade, "voltado do
avesso", mas no mundo virtual o podes fazer e foi o
que fizeste.
Voltaste-te do avesso e extravasaste, o que não
fazes no mundo em que vives. Não podes fazer!
Tens de ser subtil e lento e não falares tanto em
"instinto sexual" - isso se pode traduzir, numa vida
ao contrário da que pretendes mostrar.
E é isso que se passa!
Mas te aceito!...

Maria Luísa


De MIGUXA a 14 de Outubro de 2009 às 14:01
Vai esquecer apenas quem nunca lembrou que a vida é feita de encontros e despedidas sem nunca se separarem os sentimentos.

Não vou esquecer o teu "Esquecer"!!!

Beijo
Margarida


De M.Luísa Adães a 14 de Outubro de 2009 às 14:13
Obrigada pela flor e também, por não ires esquecer

o meu "Esquecer".

mas eu digo :

Lembras ou esqueces?
Se esqueces,

Não temos mais despedidas!

Eu lembro que não há mais despedidas...

Este dizer quebra e deixa em dúvida, se os sentimentos não se separam. Mas o critico, é que
responde a isto.

beijos e obrigada.

Mª. Luísa


De Sonhosolitario a 14 de Outubro de 2009 às 16:37
olá amiga Luisa
passei para lhe dar um beijinho
porque esquecer nunca ,
até breve
sonhosolitario


De M.Luísa Adães a 14 de Outubro de 2009 às 18:25
sonhosolitario
És um cavalheiro querido; passaste e não te esqueceste de mim.
Gostei muito de te encontrar.
Beijos para ti e tudo a correr pelo melhor.

Obrigada,

Maria luísa


De por_acaso a 15 de Outubro de 2009 às 22:27
Olá Mª Luisa espero que esteja bem, eu, graças a Deus estou bem melhor, com fé e muita paciência, e tempo tudo fica melhor... Quanto ao seu poema "Esquecer", nunca ninguem se esquece de alguem, ás vezes nem daqueles que nos fazem mal nos esquecemos quanto mais as pessoas que não conhecemos mas que nos fazem bem á "ALMA" que é o seu caso, tem sempre uma palavra amiga, uma tentativa de solução para algo ou alguem que está em sofrimento....Você é daquelas pessoas que são impossiveis de esquecer, pode passar o tempo e não falarmos todos os dias ou semanas, mas isso não significa que tenha caído no esquecimento...
Beijokas,
Até Breve,
Alfazema


De M.Luísa Adães a 17 de Outubro de 2009 às 09:08
Alfazema

Entrou contigo o cheiro subtil da alfazema, do tempo lavado, de manhãs soalheiras e amenas.

Obrigada por dizeres que "pessoas como eu não são

equecidas" - passem semanas, ou meses, ou sempre.

Isso é de agradecer.

Fico feliz por te encontrares muito melhor e por
teres força, paciência e Fé. Espero a continuação das melhoras.

Também não te vou esquecer, como um exemplo de
pessoa amável e simpática que encontrei na Net.

Beijos e as melhoras,

Maria Luísa


De jpcfilho a 19 de Outubro de 2009 às 16:20
Olá querida amiga Maria Luísa, nunca haverá despedidasa ou esquecimentos, se o perfil da poeta é de amor, de confluir rios, de juntar flores, e o segredo é um instrumento guardião dos esquecimentos...
Lindos versos
beijos
João Costa Filho


De M.Luísa Adães a 19 de Outubro de 2009 às 17:19
João

A poesia está moribunda e se não a tratam, acaba por morrer, nos anos próximos.
O poeta devia ser tratado com mais respeito
e não é tratado como merece!

Tenho tido comentários de anónimos, muito bons.

E tenho os teus comentários, assíduos e honestos
que agradeço muito.

Mas vou quebrar a assiduidade com que escrevo!
Isso eu pretendo fazer e quero fazer.
Desligar-me mais, deste mundo virtual e esquecer!

Obrigada pelas tuas belas palavras!

Beijos fofos,

Maria Luísa


De Fabio a 11 de Maio de 2010 às 06:34
BRAVO!


De M.Luísa Adães a 11 de Maio de 2010 às 11:22
Fabio

Agradeço esse - "BRAVO"!

Maria Luísa


Comentar post

.mais sobre mim

.links

.Março 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.arquivos

. Março 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.posts recentes

. ROUBO

. Beijos/ Novo Ano Feliz

. BEIJOS

. Cantei!

. Oferta

. 11 de Setembro

. Oferta/ Evanir

. Oferta, a Maria luísa Adã...

. Cortesia de : Poesias do ...

. Três Rosas

. Oferta/ Maria/ Espanha

. Facebook/ Foto: A World o...

. Oferta/ Las cumbres del O...

. Oferta

. Pablo Neruda

. Agradecimento

. Prelúdio

. Oferta/ Novembro de 2012

. Poema sem nome

. Prémio Dardos/ 2012

. Saudade

. Juventude

. Jogos Olimpicos

. Amo!

. Oferta : www.estoyatulad...

. Bertold Brecht

. Decepcion ...

. Das Trevas para a Luz

. Primavera

. O Tempo

.favorito

. Whitney Houston

. FOGO

. NOITE

. Meu Amigo

. SEDE

. VIDA

. NUA

. Nascer e Viver

. REALIZAR

. ROSA IMORTAL


Selo do prémio dardos Oferta:-http//tintasepinceis.blogs.sapo.pt



Familia Maldonado /Brasão