Terça-feira, 28 de Dezembro de 2010

A Maré e a Bruma

http://fotos.sapo.pt/zZ0LoLJkbRW3uz6CiZCy

                                                           

 

     O Livro "A Maré e a Bruma" de Maria Luísa Maldonado Adães  

 

    A saír em Fevereiro de 2011 na cidade de Lisboa - Portugal .                                                                     

 

 

 

Oferta De Um Farol chamado Amizade ( Un Faro llamado Amistad)

 

Brasil, Janeiro de 2011

publicado por M.Luísa Adães às 10:37
link do post | comentar | favorito
|
18 comentários:
De MC a 28 de Dezembro de 2010 às 14:45
O encontrei e gostei de saber!

Feliz Ano Novo!

MC


De M.Luísa Adães a 28 de Dezembro de 2010 às 14:54
MC

Não me parece que seja feliz. Os poetas são famosos
e inolvidáveis, depois de estarem mortos no mundo
em que viveram.

Na época que atravessamos, o poeta é um ser esquecido!

Eu disse "Um Poeta" ! E eu não sou nada disso...
sou apenas uma pessoa que gosta de escrever e
escreve e representa no Palco da Vida, os personagens que "Procuram autor"...

Obrigada! Ano Novo Feliz,

Maria Luísa


De poetaporkedeusker a 28 de Dezembro de 2010 às 17:20
Ahá! O teu novo livro! :) Parabéns, Maria Luísa!:) E tem uma bonita capa!
Amiga, eu tenho a impressão de que as coisas, para mim, estão bem mais difíceis tanto ao nível da locomoção, quanto ao tempo que eu despendo a fazer as coisas mais banais... pode ser que melhore um pouco, mas vou ter de começar a habituar-me a este ritmo bem mais lento. Por estranho que possa parecer, nem sequer me têm nascido sonetos nestes últimos dias... estou "empenada" :)
Abraço grande!


De M.Luísa Adães a 28 de Dezembro de 2010 às 21:02
M. João

Espero que essas dificuldades fisicas sejam ultrapassadas pelos dons psiquicos.

Sei que isto é ilusão para ti e para mim!

Mas quando escrevo gosto de falar em coisas que deviam acontecer que eu espero sejam reais e fortes como o que pretendo dizer e digo.

O livro ficou pobre e o que diz também é pobre!
Quando nos sentimos doentes tudo deixa de interessar.

Eu espero que recuperes! E isso de não nascerem poemas, é um pequeno descanso - eles voltam, são
os teus amigos invisiveis e eles te amam...

E tu os amas e lhes dás vida e forma fisica e eles correm e dançam no palco ,onde representam
toda uma vida...a tua vida!

Dia 29 vou para o Rio de Janeiro (o hotel fica em Copacabana).

Mas tenho tido medos fisicos! Muitos medos!

Desejo-te um Novo Ano com mais saúde e mais forças,
para enfrentar a Vida!

Abraço forte e saudades

Maria luísa
hote


De poetaporkedeusker a 29 de Dezembro de 2010 às 10:49
Se eu te contasse tudo o que se tem passado, não chegaria um livro, M. Luísa... mas espero que ultrapasses esses medos todos. Deve ser terrível senti-los. Eu apenas tenho tido desconforto, cansaço e dores... nunca tenho medos... ou tenho, mas são pontuais e normalíssimos, do tipo que me leva a dizer, para mim própria, que devo ter mais cuidado a atravessar as ruas porque estou muito lenta e os carros nem sempre vêm muito devagar.
Porque dizes que o teu livro está pobre? Não acredito! Deves ser tu que estás a ser demasiado exigente contigo mesma...
Os meus poemas é que estão mesmo, mesmo muito sumiditos... e eu espero, espero... e nada! Acredito que eles voltem, mas não sei quando...
A médica, ontem, esqueceu-se de me dar a credencial de um dos exames... tenho a impressão de que tenho mesmo azar com este tipo de coisas. Agora, ou volto lá e perco uma tarde inteira, ou pago o exame. Nenhuma das opções me agrada, mas lá terá de ser...
Abraço grande e que tenhas uma boa passagem de ano, lá no Rio!


De M.Luísa Adães a 29 de Dezembro de 2010 às 14:41
São medos de que não posso falar, mas relacionados comigo.

Ontem, depois de saír à noite, estive muito doente.

A alimentação é muito diferente e meu estomago muito frágil.
Adoro estar por cá, mas a saúde se ressente muito
e um dia, tenho medo de não poder voltar.
Entendes?

Beijos e as tuas melhoras e saúde para os teus pequeninos.

M. Luísa


De poetaporkedeusker a 29 de Dezembro de 2010 às 15:13
Não sei dar conselhos, Maria Luísa... mas posso dizer-te que, no teu lugar, não pensaria que posso não poder voltar. Pelo menos não cultivaria esse pensamento. Todos nós vamos vivendo enquanto podemos... eu costumo dizer que vou fazer sonetos até deixar de poder! :)
Doi-me a coluna e os rins. São dores diferentes que eu sei distinguir muito bem. A dor na coluna é uma dor funda, de facada; a dos rins é pulsante e surda. Tu és capaz de me entender porque já tiveste, pelo menos, uma delas...


De M.Luísa Adães a 3 de Janeiro de 2011 às 18:29
Eu entendo o que dizes e aceito!

Dessas dores de coluna, como uma faca a espetar, eu entendo!

Agradeço tua lembrança de mim. Te desejo Um Novo Ano feliz com saúde e muito amor nesses sonetos cantados, como tu fazes, tão bem.

Estive no Rio J., sentada no banco com Drummond de
Andrade. Que coisa bela !

Copacabana, tinha 2 milhões de pessoas, à espera da
chegada do Novo Ano.

Depois torno a escrever. Beijos e melhoras,

M. luisa


De poetaporkedeusker a 4 de Janeiro de 2011 às 15:20
Isso é que foi uma passagem de ano! :)
Não estou pior, mas também não melhorei muito... a dor no rim abrandou... deve ser uma fase de expulsão de pedrinhas...
Abraço gde!


De M.Luísa Adães a 4 de Janeiro de 2011 às 18:14
M. João

Obrigada por responderes,
Muito bom estares um pouco melhor!

Deixei no google de forma bem simples ,o poema ao ano novo em copacabana.

É na realidade, uma coisa única, impossível de descrever.
De uma beleza, sensibilidade e Fé, pincipalmente
Fé que nós europeus não temos ou se temos está
escondida no nosso âmago.

Mas eles não escondem!...Uma das maravilhas do mundo!

Beijos e Feliz Ano para ti e o mundo que te rodeia e todos a`quem amas.

Maria Luísa
grandes


De poetaporkedeusker a 5 de Janeiro de 2011 às 11:51
Eu estou atrasadíssima - vai sendo lugar-comum de há uns tempos a esta data... - mas vou passar no 7degraus!
Abraço grande!


De M.Luísa Adães a 5 de Janeiro de 2011 às 12:58
Terei muito gosto em te encontrar!

Essa falta de tempo resulta de dificuldades de saúde?

Melhoraste no andar? Ou ainda tens as mesmas dificuldades?

E o cãozinho ou gatinho, (não sei bem) melhorou?

Continuo agora e sempre, a esperar por ti...

As melhoras e agradeço tua presença, sempre
presente!

Um abraço,

Maria Luísa


De Brown Eyes a 29 de Dezembro de 2010 às 21:51
Vim desejar-te um excelente 2011. Beijinhos


De M.Luísa Adães a 3 de Janeiro de 2011 às 18:35
Brown eyes

Agradeço te lembrares de mim. Como sabes, estou no Brasil e neste momento, no Rio, onde assisti à entrada
do Novo Ano com mais 2 milhões de pessoas, em Copacabana.

Mais tarde te escrevo. Este pc desaparece de repente e foge com a internet.
Escrever é uma sorte!

Feliz Ano para ti e tudo quanto amas.

Um abraço e beijos da amiga,

M. Luísa


De FatimaSoares a 30 de Dezembro de 2010 às 19:24
Um ano novo muito bom minha amiga com saúde, paz e muito amor e realização. Um bj com amizade.


De M.Luísa Adães a 3 de Janeiro de 2011 às 18:39
Olá amiga,

Obrigada por te lembrares de mim!

Te desejo Ano Novo muito feliz e com mais saúde.

Continuo no Brasil e hoje e nos dias anteriores, no Rio de Janeiro.

Este pc tem de ser rápido, pois a Net desaparece quando menos se espera.

Felicidades, muitas, para ti.

Beijos, muitos e obrigada,

M. Luisa


De jabeiteslp a 9 de Janeiro de 2011 às 22:21



De M.Luísa Adães a 10 de Janeiro de 2011 às 18:46
jabei

Lindas tuas flores! Espera por mim, um dia apareço
numa nuvem errante...E nada perguntes...sabes
que sou eu!

Um abraço,

Maria Luísa


Comentar post

.mais sobre mim

.links

.Março 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.arquivos

. Março 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.posts recentes

. ROUBO

. Beijos/ Novo Ano Feliz

. BEIJOS

. Cantei!

. Oferta

. 11 de Setembro

. Oferta/ Evanir

. Oferta, a Maria luísa Adã...

. Cortesia de : Poesias do ...

. Três Rosas

. Oferta/ Maria/ Espanha

. Facebook/ Foto: A World o...

. Oferta/ Las cumbres del O...

. Oferta

. Pablo Neruda

. Agradecimento

. Prelúdio

. Oferta/ Novembro de 2012

. Poema sem nome

. Prémio Dardos/ 2012

. Saudade

. Juventude

. Jogos Olimpicos

. Amo!

. Oferta : www.estoyatulad...

. Bertold Brecht

. Decepcion ...

. Das Trevas para a Luz

. Primavera

. O Tempo

.favorito

. Whitney Houston

. FOGO

. NOITE

. Meu Amigo

. SEDE

. VIDA

. NUA

. Nascer e Viver

. REALIZAR

. ROSA IMORTAL


Selo do prémio dardos Oferta:-http//tintasepinceis.blogs.sapo.pt



Familia Maldonado /Brasão