Quinta-feira, 12 de Março de 2009

A CONFIANÇA

 

 

 

 

 

 

Alguém me confiou,
Alguém me contou,
Alguém me falou,
Do meu amor por ti
Do teu amor por mim
E da confiança que nos juntou.
 
Aprendi a viver assim!
 
Aprendi a confiar
Sem te conhecer,
Sem heroísmos.
 
Agora eu sei, um pouco mais…
 
A confiança nos juntou,
A confiança nos elevou,
A confiança nos envolveu,
A confiança nos casou!
 
Tornou-se num sentimento
Ardente,
Num Jogo de Amor presente,
Nunca abandonado
Nunca olvidado.
 
Agora eu sei, um pouco mais…
 
Anos de confiança radiante
Tempos de confiança delirante!
E ao partir, levo comigo
O que aprendi contigo!
 
A Confiar no reencontro
Como Almas Gémeas
Que se amam,
Beijam e transformam
O rodopiar do instante
Confiante,
 
Num Novo Dia!
 
Maria Luísa Adães 

 

publicado por M.Luísa Adães às 19:20
link do post | comentar | favorito
|
80 comentários:
De cuidandodemim a 12 de Março de 2009 às 20:42
Gostei muito, Maria Luísa, como sempre.
Obrigada por ter aceite o desafio.
Um poema cheio de amor e força, como já nos habituou.
Bjns


De M.Luísa Adães a 13 de Março de 2009 às 08:51
cuidandodemim

Agradeço o convite; o poema agradece as palavras
feliz e radiante.

Beijos,

Maria Luísa

p.s. ainda vou ao seu blogs agradecer.


De Maria a 12 de Março de 2009 às 21:05
Olá Maria Luisa

Vamos lá ver se sei fazer algo de jeito.
Obrigada pelo desafio. Bjs


De M.Luísa Adães a 13 de Março de 2009 às 08:47
Maria

Tenho a certeza que sim! Eis a razão do convite!

Fico a aguardar; obrigada por responderes .

Beijos,

Maria Luísa


De Séforis a 13 de Março de 2009 às 09:35
Até fiquei com vontade de responder ao desafio mesmo não sendo um dos desafiados. Acredito que ficarias com uma perspectiva diferente da confiança :-).
Um abraço !


De M.Luísa Adães a 13 de Março de 2009 às 10:37
Seforis

Não te conheço, aliás não conheço ninguém, mas não importa.
Mesmo sem o desafio, podes responder, tal como agora e diz da tua falta de "Confiança" em relação
ao que te magoou. Eu respondo, se for para responder.

Mas na realidade eu confio, no tema a que me refiro. Só escrevo o que sinto!
Obrigada pelo comentário.

Maria luísa


De Séforis a 13 de Março de 2009 às 11:12
Não me conheces, não conheces ninguém (presumo que te conhecerás o suficiente para afirmar que não conheces ninguém). Uma asserção contundente, de uma consciência aparente da mutabilidade dos seres. Quase me fazes pensar que está aí alguém para além da mente criadora de ilusões perante a visão de um corpo que parece ser aquele que dizes ser tu...

Um novo abraço :-)


De M.Luísa Adães a 13 de Março de 2009 às 11:46
Séforis

Não me conheço, assim tão bem e só afirmo o não
conhecer ninguém, no "chamado mundo Virtual" e
quem sabe ? No "chamado mundo Real".
É uma afirmação que contunde com a instabilidade
do ser.

Está aqui alguém, para além da minha mente e de mim, mas também não o conheço e pode ser, apenas, uma ilusão ... que sou eu, ou a outra
que se faz passar por mim e dita as Leis e faz as
afirmações.
Afinal quem escreve ?

Eu, Maria Luísa, ou Ela ?

Quem afirma ? Eu, ou Ela? Como um outro "EU" - não
lhe vou chamar heterónimo, seria copiar. Então
chamo o quê ? O Tudo e o Nada!

Como o posso contactar com facilidade ? Interessa
dizer ? Se interessa, diga!

Com alguma Confiança : -)

Maria luísa



De Séforis a 13 de Março de 2009 às 12:48
Bom, o primeiro contacto será com o surrealismo escrito do tema "confiança" que já se encontra no meu blog. O segundo poderá ser o meu email que deixo nos comentários que lhe tenho feito hoje. O terceiro, bem, o terceiro ficará, eventualmente, para o momento em que entendamos o que significa confiança para um e para outro. Claro que acredito na rapidez da compreensão ...

Abraço!


De M.Luísa Adães a 13 de Março de 2009 às 13:06
Séforis

Aceito e agradeço o chamado "surrealismo do tema
confiança".

Aceito e agradeço o email que deixa nos comentários (forma de comunicar).

Aceito o tempo de espera, para acreditarmos na confiança que podemos ter, um no outro.

Por mim, a confiança está aceite! Só o tempo nos pode garantir essa mesma confiança - sem desconfiança. Só o tempo - muito ou pouco - depende de nós, dos nossos medos, dos nossos traumas.
Mas aguardo, essa "confiança".

Com amizade,

Maria Luísa


De Just Moments a 13 de Março de 2009 às 12:32
Olá Mª Luísa!!

Lindo como sempre!!

Parabéns de uma humilde leitora..mas que gosta de poesia!!

Beijinhos e bom fim de semana


De M.Luísa Adães a 13 de Março de 2009 às 12:47
justmoments

Obrigada por gostar, pela sua presença, mas não necessita ser humilde.
Quem entende o poeta , também tem o seu quê de
poeta.
Há muitos que não o amam nem entendem! Desses,
eu tenho pena!
Agradeço gostar de poesia, é uma benesse para mim.

Beijos e bom fim de semana,

Maria Luísa


De blogando-me1 a 13 de Março de 2009 às 14:51
Image


De M.Luísa Adães a 13 de Março de 2009 às 19:25
blogando-me1

A tua linda imagem foi guardada, no meu carnet de viagem e no meu coração.

Beijinhos amigos,

Maria Luísa


De Morgen a 13 de Março de 2009 às 19:12
Amiguinha já ha algum tempo que nao passava aqui.
Merecidos todos estes premios :)
E como sempre brindaste-nos com um belo poema .
beijnhos


De M.Luísa Adães a 13 de Março de 2009 às 19:29
Morgen

Eu tinha saudades tuas; ainda bem que passaste e gostaste do meu poema; benvinda a este recanto.

Aparece sempre que possas! Obrigada pela atenção.

Beijos, muitos, da

Maria Luísa


De Morgen a 15 de Março de 2009 às 17:20
Passarei, concerteza, sempre que possa. Infelizmente o tempo não é muito mas estarei atenta a novos posts :)
Uma boa semana


De M.Luísa Adães a 15 de Março de 2009 às 18:43
Morgen

obrigada por responderes; eu sei que o tempo é deminuto, mas de uma maneira geral és bastante assídua. Te agradeço.

Uma boa semana para ti,

Mª. Luísa


De poemasimples a 13 de Março de 2009 às 20:40
Li o teu poema "A CONFIANÇA", reli e não resisti de o ler à minha mulher. Acho deveras sensacional demonstrar por palavras o que nos vai na alma. E "A CONFIANÇA", não se compra mas conquista-se muitas vezes com dificuldade mas depois vale a pena ter o prazer de saber que podemos e temos em quem confiar.
Continuarei a confiar no que escreves porque conseguiste conquistar-me. Um bom fim de semana e até breve.
António


De M.Luísa Adães a 14 de Março de 2009 às 08:58
poemasimples

Fizeste bem em ler à tua mulher; é muito bom os anos passarem e termos a certeza, de que podemos confiar, em quem nos rodeia. É de certa forma,
uma " dádiva plena "da Vida "... Um encanto ao nosso viver, ao nosso sentir.

Obrigada por te ter conquistado e à tua amizade virtual que vem de longa data.

Beijos e aparece sempre,

Maria Luísa


De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 14 de Março de 2009 às 00:13
ooohhhhhh já to lançaram,
paciencia olha acrescenta o meu nik se quizeres

Desafio p´ra ti aqui: http://estrelademim.blogs.sapo.pt

se quizeres claro

beijinhussssssssssssssssss


De M.Luísa Adães a 14 de Março de 2009 às 08:47
EStrelinha

Muito obrigada pela tua ternura; mas vou contar
um segredo (tudo vai ler, hehe) eu não sei o que é um "nik" - como posso levar o que não conheço,
mas vou tentar ver o teu blogs. Isso eu vou!

Minha querida, és uma "estrelinha" do azul do firmamento em passeio prolongado pelo meu plano.
Deus te conserve por muitos e muitos anos com essa luz.
Agora vou ver o tal nik.

beijinhos grandes,

Maria Luísa


De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 14 de Março de 2009 às 11:57
querida Mª Luísa,
não tem mal não saberes o que é um nik, eu passo a explicar: o meu nik é o nome com que comento e assino os meus posts e poemas, neste caso é: Estrelinh@, entendeste miga? tu colocaste no inicio do poema que foi um desafio que a cuidando de mim te fez, basta acrescentares que foi a cuidando de mim e a Estrelinh@
, consegui explicar-te?
espero que sim, como eu disse no inicio do meu outro comentário: "ooohhhhhh já to lançaram,
paciencia olha acrescenta o meu nik se quizeres"
é que eu primeiro fiz o poema e o post onde escolhi os eleitos e só depois comuniquei aos escolhidos, e quando aqui cheguei vi que já tinhas sido desafiada, peço desculpa por isso, beijito carinhoso,
obrigado por seres a amiga que és...um doce.


De M.Luísa Adães a 14 de Março de 2009 às 17:53
Estrelinha

Eu entendi perfeitamente a emenda a fazer, mas o último" a " do nome, não sei como se faz; sabes responder? Lamento!

Beijos,

Maria Luísa


De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 15 de Março de 2009 às 00:46
o nome é o meu nik Maria Luisa apenas isso,
eu não assino com o meu nome como tu, arranjei o que se chama de "nik" para assinar os posts.

beijito carinhoso e uma doce noite


De M.Luísa Adães a 15 de Março de 2009 às 06:56
estrelinha

O assunto está resolvido, o nome estrelinha, aparece mencionado como um amigo simpático que
se lembrou de mim, como sempre.
Obrigada por escreveres e pela tua presença neste blogs.

Com amizade,

Maria Luísa


De ஜॐ♥ஜ___Estrelinh@___ஜॐ♥ஜ a 15 de Março de 2009 às 11:15
querida, nao sei se já te disse, tem um blog que gostaria que visitasses, é da minha mana e ela é nova nisto da blogsfera e sabes como é importante sermos lidos, estou apenas a escolher para a visitarem pessoas que sei que lhe darao palavras de carinho e tu és uma delas, se quizeres passar por lá ficava mto contente, http://minhafilhameutesouro.blogs.sapo.pt

obrigado amiga, beijito carinhoso e POR FAVOR APAGA ESTE COMENTÁRIO


De M.Luísa Adães a 15 de Março de 2009 às 12:18
estrelinha

Ontem fui ao blogs da tua mana, mas ele não correspondeu - ou não apresentava a página, ou ficava preso e não se podia escrever e a música (é o
menos) tocava de repente e parava de imediato.
Não poude fazer nada! E lamento, mas volto lá quando ele se movimentar à vontade para escrever e adicionar.
Nada está esquecido! Com muito gosto torno a visitá-lo, mas se podes, diz à tua mana o que acabei de dizer.

beijos,

Mª. Luísa


De poetaporkedeusker a 15 de Março de 2009 às 11:20
Lindo poema sobre a confiança, minha amiga. Também recebi o desafio, através de uma amiga comum, a Maria e publiquei o meu no http://premiosemedalhas.blogs.sapo.pt/.
Hoje estive a mudar, radicalmente, o visual do poetaporkedeusker. Não é habitual em mim gostar deste tipo de mudanças, mas hoje senti que era o momento de experimentar uma tela minha como fundo e cabeçalho do blog. Ainda terei de ajustar alguns pormenores e lamento saber muito pouco de informática... ficaram espaçs em branco e partes do título da foto original, mas foi o que consegui arranjar dentro da minha extrema ignorância.
Um grande abraço amigo.


De angel13 a 15 de Março de 2009 às 12:03
Extremíssima!


De M.Luísa Adães a 15 de Março de 2009 às 12:07
Angel13

O Máximo!


De angel13 a 16 de Março de 2009 às 11:48
Agora compreendo a tua paciência! Continuarei a amar-te, mas não voltarei a este blog. Adeus meu amor!


De M.Luísa Adães a 16 de Março de 2009 às 12:06
Angel13
Nunca poderás compreender a minha paciência. Nunca! Não és como eu! Paciência! Ficas com essa lacuna no teu sentir, mas seja feita a tua vontade.

M.L.


De M.Luísa Adães a 15 de Março de 2009 às 12:04
Mª. João

Obrigada por me visitares; o arranjo do teu blogs está muito bonito; eu não seria capaz de fazer
metade? Nada! Do que tu fizeste.
Sabes muito de informática, eu sou zero em informática. Vou ver o teu desafio!

Bichinhos, bem? Deus queira que sim.

Beijos,

Mª. Luísa


De poetaporkedeusker a 15 de Março de 2009 às 12:25
Não estou mal, amiga. Estou só muito, muito cansada. Penso que é normal e se abrandar o ritmo durante uns dias, depois tudo vai entrando na normalidade. Penso que seja deste excesso de emoções e de esforço que tive há alguns dias atrás...
Bjo grande.


De M.Luísa Adães a 15 de Março de 2009 às 12:33
Mª. João

Penso que sim; muitas coisas aconteceram tristes,
muito deprimentes; vais ficar bem, como mereces.

Espero sempre e sempre por ti, minha amiga.

Beijos,

Mª. Luísa


Comentar post

.mais sobre mim

.links

.Março 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.arquivos

. Março 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.posts recentes

. ROUBO

. Beijos/ Novo Ano Feliz

. BEIJOS

. Cantei!

. Oferta

. 11 de Setembro

. Oferta/ Evanir

. Oferta, a Maria luísa Adã...

. Cortesia de : Poesias do ...

. Três Rosas

. Oferta/ Maria/ Espanha

. Facebook/ Foto: A World o...

. Oferta/ Las cumbres del O...

. Oferta

. Pablo Neruda

. Agradecimento

. Prelúdio

. Oferta/ Novembro de 2012

. Poema sem nome

. Prémio Dardos/ 2012

. Saudade

. Juventude

. Jogos Olimpicos

. Amo!

. Oferta : www.estoyatulad...

. Bertold Brecht

. Decepcion ...

. Das Trevas para a Luz

. Primavera

. O Tempo

.favorito

. Whitney Houston

. FOGO

. NOITE

. Meu Amigo

. SEDE

. VIDA

. NUA

. Nascer e Viver

. REALIZAR

. ROSA IMORTAL


Selo do prémio dardos Oferta:-http//tintasepinceis.blogs.sapo.pt



Familia Maldonado /Brasão