Sábado, 25 de Outubro de 2008

VISIONAR

 

 

     

                                                                                                   

                                                                                                                    

                              

Visiono
Sentimentos,
Palavras,
Acontecimentos,
Lugares,
Criticas,
Secretismo,
Encantos,
Desencantos,
 
E fico oscilante
Entre o visionar
E o realizar…
 
E reparo,
Na tua forma de olhar!
 
Gosto de o fazer
E neste contexto
Em que escrevo,
Eu própria sou ilusão
De mim mesma!
Sou ficção!
 
Desconheço as duas
E não as reconheço,
 
Na sua forma de olhar!
 
E devia reconhecer …
Uma delas
Sou eu!
 
Sinto e não sinto,
Caminho e não caminho,
Mas vejo!
Muito ao longe …
 
A ficção e a realidade
Conversando juntas
Como se fossem irmãs,
Mas não alcanço
 
A sua forma de olhar!
 
E só no olhar
As posso visionar
E definir
A diferença,
Entre uma
E a outra!...
 
Mas é inevitável
Encontrar,
 
Uma e outra
 
E reparar…
Na sua forma de olhar!
    
 
Assim, afasto as sombras do meu caminho!  
 
   
 Maria Luísa Adães
       
                                            
publicado por M.Luísa Adães às 07:30
link do post | comentar | favorito
|
28 comentários:
De uma ilha a 25 de Outubro de 2008 às 10:40
Voltei aqui para olhar, ler e visionar e gostei do que vi.Uma ilha


De poetaporkedeusker a 25 de Outubro de 2008 às 12:53
Cá estou, Maria Luísa, conforme o prometido. Não entendo porque camas "confusos" aos teus poemas...
tu mesma saes que ssim afastas as sombras do teu caminho. Talvez um pouco hermético pois define um estado de alma muito teu. Pois bem, esse é u dos grandes encantos da liberdade poética. A minha poesia-antes-do-soneto também era bastante mais hemética, mas agora escrevo para toda a gente. Deixei de sentir a necessidade de criar barreiras entre o que me vai na alma ea interpretação que os outros lhe dão. Costumo dizer que "sou entre paredes de cristal". Tenho algum orgulho nisso. Não é vaidade. è orgulho mesmo, daquele saudável e que é fecundo. Por vezes tenho de defender esta minha posição, mas, de uma maneira geral, "sou, sem angústias".
O teu poema é um pedido... quase. Uma indagação entre o subtil e o determinado. Há um pouquinho de angústia nele, não há?
Um grande abraço!


De M.Luísa Adães a 25 de Outubro de 2008 às 13:30
poetaporkedeusker

Lindo comentário, tão real. tão verdadeiro, tão a meu gosto!

Tu dizes. "um dos grandes encantos da Liberdade Poética" é o hermético do meu sentir.

Talvez não escreva para todos. Eu sei! E me parece que não o pretendo fazer ... Ser como sou, com angústia ou sem ela, é , apenas meu! ... Não
partilho! Não por vaidade, nem por falta de amor,
mas porque em mim existem "estados de alma" ainda
não desvendados.

Mas o teu comentário ,tem uma subtileza de poeta que pretende ajudar e isso agrada-me!

Adorei o que escreveste, para mim ... Eu escrevi para um Todo que me acompanhe e entenda! E tu,
tens todo o teu talento em fazê-lo!

Obrigada,

Maria Luísa


De poetaporkedeusker a 25 de Outubro de 2008 às 23:00
Vim dizer-te que li a tua resposta. Tentei responder-te no antoniodesousa, mas o Sapito está meio tonto hoje e "engoliu-me" as palavras todas... daqui a pouco tento de novo, embora saiba que estou a arriscar "navegando" com um anti vírus disfuncional... eu entendi-te, à minha maneira. Disse-te exactamente o que o coração me disse a mim enquanto lia o teu poema.
Abraço grande.


De M.Luísa Adães a 25 de Outubro de 2008 às 13:37
Uma Ilha

Não te tenho esquecido, mas não tenho passado pele tua ilha, mas vou fazer, ficas na minha agenda, desajeitada, mas minha; eu entendo-a - só eu -.

Obrigada por gostares do poema "Visionar" , foi escrito para Todos e é com alegria e amizade que recebo todos. Bem Hajam!

Agradeço a tua presença e não me teres esquecido!

beijos,

Maria Luísa


De Sonhosolitario a 25 de Outubro de 2008 às 17:23
olá querida amiga Luisa .boa tarde ,
viosinar .lindo de encantar ,de julgar,de pensar ,de ver ,apreciar,a verdade de todo momento,com toda verdade em seu pensamento ,no encantamento da sua verdade,
adorei ,venho aqui desejar-lhe um doce fim de semana ,na companhia dos restantes famaliares ,
um beijinho .
seu amigo ..
sonhosolitario


De oriona a 26 de Outubro de 2008 às 01:11
olá,
Timidamente retorno para uma visita.
Quão belo este visionar, este oscilar entre olhares.
Um sentimento que se mistura entre realidade e ficção, unidas...

Beijos
Ótimo fim de semana para ti!

Oriona


De M.Luísa Adães a 26 de Outubro de 2008 às 08:22
Oriona

obrigada; reencontrei-te, foi uma coisa boa e simpática; cada amigo tem a sua sensibilidade e o seu lugar - Maior -.

Lindo o comentário ... É na realidade e no seu contexto, "Uma troca de olhares" e é necessário encontrar as duas, juntas, olhar os seus olhos e reparar na "Forma de olhar" ...

Gostei de te ter a tua presença.

beijos,

Maria Luísa


De oriona a 26 de Outubro de 2008 às 14:59
Obrigada Maria Luisa,

Beijos para ti!

Lindo domingo de muita paz!


De M.Luísa Adães a 26 de Outubro de 2008 às 08:37
Eu sei que me entendeste à "tua maneira" ... Mas quem questiona, quem traduz e critica, ou não, o Poeta ... Sempre os outros! Nunca ele! Mas ele questiona-se, dentro do seu sentir e nunca está satisfeito, procura o máximo que ,talvez, nunca possa encontrar ...
Pensa ,estar longe das opiniões dos outros, ser um "Ser Patricio, mas não é" e foge a essa verdade Humana. É um fugitivo!

Agradeço a forma como o vês, a maneira como o dizes, mas ele tem lugares na sua Alma escondidos...
e não os quere dar a conhecer!

Obrigada pela tua Presença e sinceridade. Gostei!

Beijos,

Maria Luísa


De M.Luísa Adães a 26 de Outubro de 2008 às 08:45
sonhosolitario

Gostei muito do teu comentário ao poema "Visionar" ultrapassaste barreiras e sentiste" Visionar " , tal como ele é! ...

Obrigada pela tua presença assídua, neste lugar!

beijos,

Maria Luísa


De Sonhosolitario a 26 de Outubro de 2008 às 10:26
olá querida amiga Luisa bom dia e um doce beijinho .
desejo-te um feliz domingo na companhia do seu maridão ,um forte abraço para ele ,
seu amigo sonhosolitario


Comentar post

.mais sobre mim

.links

.Março 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.arquivos

. Março 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

.posts recentes

. ROUBO

. Beijos/ Novo Ano Feliz

. BEIJOS

. Cantei!

. Oferta

. 11 de Setembro

. Oferta/ Evanir

. Oferta, a Maria luísa Adã...

. Cortesia de : Poesias do ...

. Três Rosas

. Oferta/ Maria/ Espanha

. Facebook/ Foto: A World o...

. Oferta/ Las cumbres del O...

. Oferta

. Pablo Neruda

. Agradecimento

. Prelúdio

. Oferta/ Novembro de 2012

. Poema sem nome

. Prémio Dardos/ 2012

. Saudade

. Juventude

. Jogos Olimpicos

. Amo!

. Oferta : www.estoyatulad...

. Bertold Brecht

. Decepcion ...

. Das Trevas para a Luz

. Primavera

. O Tempo

.favorito

. Whitney Houston

. FOGO

. NOITE

. Meu Amigo

. SEDE

. VIDA

. NUA

. Nascer e Viver

. REALIZAR

. ROSA IMORTAL


Selo do prémio dardos Oferta:-http//tintasepinceis.blogs.sapo.pt



Familia Maldonado /Brasão